top of page
Design sem nome (3).png
  • Foto do escritorSimony Ramos Oliveira

Saudades de casa: um tormento que muitos enfrentam no exterior!







Independente se você é um expatriado ou imigrante, a saudade de casa pode ser um tormento, atrapalhando a sua adaptação ao novo país e planejamento de seus objetivos a longo prazo.


Este sentimento pode aparecer desde quando chega ao exterior, e isto acontece mais no caso de familiares de expatriados que deixam suas vidas estáveis com trabalho, vida social para viver em um novo país. Ou então, após o final do período de lua de mel tanto do expatriado quanto do imigrante que significa quando estes percebem que a vida no exterior não é somente "flores" e se frustra em função das expectativas sobre o novo país. Ou ainda quando aparecem desafios e problemas difíceis de serem manejados em comparação com questões similares no país de origem.( a frustração de não poder resolver um problema da forma como sabe fazer, pode levar o expatriado/imigrante a querer desistir e voltar para o país de origem).

É importante ressaltar que saudade não é um problema em si mesmo porque todos nós sentimos este sentimento quando moramos no exterior. Se torna um problema quando é um sofrimento, impedindo que a pessoa se adapte ao novo país, fazendo com que ela não se abra para a nova cultura e viva com o pensamento focado no país de origem. Sofre por viver no exterior, ressente do país que está, fica paralisada(o) em função de não se dedicar a nova vida, sem fazer planejamento a longo prazo, perdendo assim a oportunidade de viver plenamente.

Dependendo do país que escolhemos viver, os desafios de socialização, de compreensão da cultura e das regras, além da aprendizagem da língua estrangeira, pode intensificar o desejo de voltar para casa frequentemente ou mesmo de desistir da nova vida. Alguns países os desafios são muitos e difícies de ultrapassar.

É crucial estar atento ao que está acontecendo para não tomar uma decisão precipitada e depois se arrepender. Realizar videoconferência com os familiares e amigos do país de origem, socializar com os compatriotas que vivem no novo país, realizar os hobbys e atividades que gosta, são formas que auxiliam na minimização do sentimento de saudade.

Se apesar do esforço em realizar as sugestões acima, ainda estiver sentindo dificuldades em ficar no exterior, é importante procurar um profissional de psicologia para te auxiliar neste processo. Com minha experiência pessoal como imigrante e minha formação profissional, posso te ajudar a viver plenamente no lugar que você escolheu viver.

Comments


bottom of page